quinta-feira, 22 de março de 2018

A Última Carta de Amor por Jojo Moyes

A Jojo Moyes já nos habituou a histórias de amores incríveis. Este livro não é exceção.

Neste romance existem duas histórias de amor que se desenvolvem em tempos diferentes. Um amor datado de 1960, onde Jennifer e Boot são amantes proibidos. Ele um jornalista, ela casada com um magnata de um mineral recém-descoberto.

Jenny e Boot representam todos os amores que por um motivo ou outro são impossíveis.


Até que o deixam de ser...


40 anos depois do amor de Jenny e Boot, Ellie, uma repórter, é apaixonada por John um escritor casado que, para surpresa de Ellie apesar de possuir o dom da palavra nos seus livros, com ela só é capaz de escrever SMS enigmáticas.


A vida amorosa de Ellie é uma confusão e ao encontrar uma pasta com cartas de amor datadas de 1960, corre em busca desse amor avassalador que lhe pode dar as respostas para solucionar a sua própria vida amorosa.


Foi o primeiro livro que li desta escritora, apesar de conhecer histórias de outros (shame on me por ver o filme e sipnoses dos livros mas nunca ter efetivamente comprado os livros), e devo admitir que fiquei MUITO impressionada com a escrita dela.

Jojo Moyes apresenta-nos este amor excecional de uma forma impressionante e, por isso, recomendo vivamente a leitura deste romance.

No fim deste livro percebemos que o amor vence tudo. Que um amor verdadeiro cura todas as feridas e ultrapassa todos os obstáculos.

O verdadeiro amor não tem idade, não tem profissão, não tem tempo certo, não tem maneira fixa de ser. Para o amor só existem duas coisas essenciais: o tu e o eu, seja em que década for.


4 comentários:

  1. só das personagens serem repórter/jornalista eu já amei!
    parece ser muito bacana a história, já quero!

    bjs!
    www.blogmodelando.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo muito boa! Recomendo muito! :D Beijinhos! :)

      Eliminar
  2. A minha prima já me tinha falado que gostava de ler esse livro. Os anos dela estao-se aproximar, acho que vai ser mesmo esse 😉 obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não tens de quê! :) Espero que ela goste tanto quanto eu! :D

      Eliminar